Cuidado com as promessas da famosa Dieta Detox

O Conselho Federal de Nutricionistas publicou esta semana, um artigo alertando sobre a dieta detox. No texto, o órgão afirma que apesar de ser divulgada como sinônimo de emagrecimento, saúde e estratégia de limpeza das toxinas do corpo, não existem evidências científicas que amparam a utilização de dietas “detox” ou desintoxicantes. De acordo com as […]
O Conselho Federal de Nutricionistas publicou esta semana, um artigo alertando sobre a dieta detox. No texto, o órgão afirma que apesar de ser divulgada como sinônimo de emagrecimento, saúde e estratégia de limpeza das toxinas do corpo, não existem evidências científicas que amparam a utilização de dietas “detox” ou desintoxicantes. De acordo com as informações, a dieta detox vai contra os princípios da alimentação saudável, que, deve ser uma prática adequada aos aspectos biológicos e sociais do indivíduo. Deve estar em acordo com as necessidades alimentares, ser referenciada pela cultura alimentar e pelas dimensões de gênero, raça e etnia além de ser acessível e equilibrada atendendo aos princípios da variedade, equilíbrio, moderação e prazer para o bom funcionamento do organismo. “A dieta detox possui composição bastante heterogênea, mas usualmente inclui modificação da dieta habitual para uma dieta de baixas calorias, desequilibrada em macro e micronutrientes, com períodos de jejum e utilização de água pura, vegetais e frutas recém-processadas que, segundo seus defensores, facilitariam a fase I e II do fígado para desintoxicação, seguida da indução à diurese”, diz o texto. Porém é importante ressaltar que o processo de desintoxicação ocorre de forma natural e diariamente no corpo humano, quando utilizada uma alimentação adequada e saudável. A mudança da alimentação pela busca de efeitos imediatista, de forma radical, gera riscos à saúde. É importante analisar com critério os anúncios e produtos amplamente divulgados que vendem e prometem rápida perda de peso. “A publicidade pode ter objetivo mais comercial do que de atender à saúde da população”. Pratique e promova uma alimentação saudável, se achar necessário, realize um acompanhamento de um nutricionista, devidamente registrado nos Conselhos Regionais de Nutricionistas e considerem as recomendações contidas no Guia Alimentar para a População Brasileira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2014-2021. Portal da Nutrição Estética.